200 fatores que o Google estuda para ranquear seu site. Parte 1

0
525

Para aqueles que não sabem, o Google possui mais de um algoritmo que analisa a colocação dos sites em suas pesquisas. São aproximadamente 200 itens que ele estuda para que sua marca/serviço fique colocado, o mais próximo possível, do primeiro lugar.
Aqui no blog A Guerra do SEO, vamos começar a listar estes fatores e tentar dar uma explicação sobre cada um. Colocarei uma pontuação de 0 a 10 (onde 10 é o mais importante) de acordo com a minha experiência. Vamos lá?

1) Tempo de Domínio
O Google leva em consideração o tempo que o domínio está registrado. Para ele, um domínio mais antigo “pode” ter mais conteúdo e relevância. Mas o peso desta métrica na minha opinião seria 3.

2) Uso da palavra-chave no domínio
Esta sim, é um bom fator que interfere no ranking de seu site. Na hora de registra seu domínio tente colocar nele o produto/serviço que você atua. www.revendadecarros.com.br, onde a palavra chave que seus clientes estariam procurando seria CARRO. Para este item eu dou peso 6.

3) Uso da palavra-chave no início do seu domínio
Outro fator com grande peso, assim como no item 2 é importante ter a palavra-chave na URL, colocar esta palavra no início seria muito melhor. Já constatei que quanto mais próximo do início do parágrafo, maior peso o buscador dará para seu domínio. Meu peso para este item é 6.

4) Tamanho do domínio
Neste quesito, o Google pesa mais na usabilidade. Tentem usar domínios com 2 ou 3 palavras no máximo, sem siglas e simples para o USUÁRIO. Peso 6.

5) Correspondência Exata
Isto significa que o que você vende em seu domínio está ligado ao conteúdo que o site está mostrando em seu conteúdo. Este é um item muito importante para a segurança e usabilidade, merecendo a nota 8.

Estes fatores não são vitais, mas influenciam nos resultados das buscas orgânicas do buscador.

Espero que esta início seja útil para vocês, acompanhem o blog para mais novidades.